O novo Reintegra e a compensação de tributos de exportação

Fonte: Thinkstock

Considerando que as exportações contribuem sobremaneira para o desenvolvimento do país e tendo em vista o cenário adverso para os exportadores, que ainda persiste, o Governo Federal, por meio da Medida Provisória n° 651/2014, reinstituiu o Regime Especial de Reintegração de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras (Reintegra), que permite compensar resíduos tributários remanescentes na cadeia de produção.

Por meio do Reintegra, a pessoa jurídica que produza e exporte bens relacionados no Anexo do Decreto n° 8.304/2014 poderá apurar crédito das contribuições ao PIS/Pasep e à COFINS, mediante aplicação de percentual a ser estabelecido em ato do Ministro de Estado da Fazenda, sobre as receitas de exportação desses bens para o exterior.

Os percentuais variam entre 0,1% e 3% de acordo com o produto. Até 31 de dezembro de 2013, quando vigorou o regime instituído pela Medida Provisória n° 540/2013, o percentual foi fixado em 3%.

Os benefícios podem ser utilizados pelas empresas que exportam diretamente ou por meio de ECE – Empresa Comercial Exportadora com fim específico de exportação para o exterior. Contudo, no caso das ECE, o direito ao crédito está condicionado à informação da pessoa jurídica produtora no “Registro de Exportação”.

A apuração de crédito nos termos do REINTEGRA somente será permitida se o bem tiver sido industrializado no país, estiver classificado em código da Tabela TIPI e relacionado no Anexo do Decreto n° 8.304/2014 e tenha custo total de insumos importados não superior a limite percentual de preço de exportação. O limite está estabelecido no anexo do regime e que para determinados bens é de 40% e para outros de 65%.

O crédito apurado poderá ser ressarcido ou compensado com débitos próprios, vencidos ou vincendos, relativos a tributos administrados pela Receita Federal do Brasil.

O pedido de ressarcimento de crédito relativo ao Reintegra, bem como a compensação deverá ser efetuado pelo estabelecimento matriz da pessoa jurídica mediante utilização do programa PER/DCOMP. E poderá ser solicitado no prazo de 5 anos contados do encerramento do trimestre-calendário ou da data de averbação de embarque, o que ocorrer primeiro.

Isso significa que além dos créditos apurados em relação ao Reintegra, os créditos relativos ao período em que vigorou o regime (dezembro/2011 a dezembro/2013) poderão ainda ser ressarcidos ou compensados.

Ressalta-se, finalmente, que poderão fruir do Reintegra as empresas instaladas ou que venham se instalar nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste e os empreendimentos industriais instalados nas áreas da SUDAM – Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia e da SUDENE – Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste.

-

Por: Ivo Avelar

Publicado em Legislação | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Inovação é alternativa para enfrentar a concorrência global

Fonte: ThinkstockApesar de obstáculos como a acentuada carga tributária, a elevada taxa de juros, a burocracia excessiva e a falta de conhecimento em gestão, pequenos negócios e microempreendedores individuais brasileiros vêm enfrentando esses desafios para inovar e ganhar competitividade no mercado global. A concorrência dos importados, por exemplo, ameaça a competitividade das empresas brasileiras, mas está sendo enfrentada com ações e produtos inovadores, cujos reflexos serão percebidos com mais evidência nos próximos anos.

Segundo o diretor do Sebrae, Carlos Alberto dos Santos, o processo de diferenciação no sentido da inovação não se dá em nível local, mas em mercados bastante competitivos. “São micro e pequenas empresas de classe mundial”, destaca Carlos Alberto, ao apontar essa condição para que os pequenos negócios brasileiros alcancem competitividade em nível global. “A economia é cada vez mais aberta e coloca as empresas em situação de crescente competitividade”, explicou.

Nesse processo, elos de cadeias produtivas de pequenas indústrias estão sendo substituídos por produtos importados. “Observa-se a destruição de elos da cadeia que dificilmente se recompõem com a rapidez necessária para reverter à concorrência internacional no mercado nacional”, comenta Carlos Alberto. Ele aponta os avanços no ambiente legal de negócios nos últimos anos, como um fator de mudança para reverter esse processo em que a empresa local está em desvantagem na concorrência global.

“Para avançar é preciso desmitificar o conceito de inovação, que, na percepção dos empresários, ainda é algo desconhecido, complicado, difícil e caro, o que desestimula uma decisão favorável à diferenciação”, afirmou o diretor. Outra alternativa de acesso à inovação, indicada pelo diretor do Sebrae, é identificar possibilidades para ganhar competitividade, além de implementar soluções viáveis e compatíveis com as necessidades do segmento empresarial de pequeno porte.

-

Fonte: Agência Sebrae

Publicado em Tecnologia | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Cartilha gratuita ensina a elaborar plano de acesso a crédito

Fonte: Thinkstock

Como conseguir crédito de instituições financeiras para que eu possa atender as necessidades de meu negócio? Preciso de capital para poder ampliar minha empresa, qual a melhor alternativa para buscar recursos?

Caso você esteja procurando algum tipo de suporte financeiro para seu empreendimento, é possível que você tenha dúvidas semelhantes as que apresentamos acima. Para auxiliá-lo a solucionar estas e outras questões, o Sebrae-MG lançou o manual “Como elaborar plano de acesso a crédito para sua empresa”, o qual visa contribuir para que os pequenos empreendedores acessem e utilizem o crédito de forma compatível com a real necessidade de seus negócios e obtenham o melhor resultado possível desta operação.

Faça o download do material e veja dicas para lidar melhor com suas finanças, ter pontualidade nos pagamentos e um bom relacionamento com instituições de crédito.

Clique aqui para fazer o download

-

Por: Redação MarketUP

Publicado em Documentos e Manuais, Gestão | Marcado com , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Confira a 1ª edição do Podcast MarketUP

Fonte: Thinkstock

No podcast de estreia, abordamos o tema “Os pequenos negócios e a Internet” em entrevista com o CEO da PetiteBox Brasil, Felipe Wasserman

Nesta sexta-feira, o Blog MarketUP traz para os usuários do nosso sistema e para aqueles que acompanham nossas postagens, a primeira edição do Podcast MarketUP!

Nossa proposta é trazer entrevistas, dicas e conteúdos interessantes para o micro, pequeno e médio empresário brasileiro.

Na edição de hoje, acompanhe uma entrevista com Felipe Wasserman. Wasserman é CEO da PetiteBox – maior empresa do Brasil de assinaturas para gestantes e bebês – e professor da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM). Ele deu algumas dicas de como sua empresa pode se dar bem na internet.

Acompanhe:

-

Você também pode acessar o podcast através do link:

http://marketup.podbean.com/e/podcast-marketup-edicao-1-26092014/

Para conhecer a PetiteBox, acesse:

http://petitebox.com.br/

Por: João F. Barros

Publicado em PME, Tecnologia | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Aprendendo a se posicionar no mercado. Você está onde queria?

77743241

Posicionamento é um conceito muito usado em marketing e significa, resumidamente, o lugar em que você está ou quer estar no mercado. Ter o seu posicionamento definido é de extrema importância, afinal, é isso que decidirá a forma como você será reconhecido no mercado de trabalho – tanto pelos seus clientes quanto pelos seus concorrentes, – assim como a visão que a mídia e os jornalistas terão de você e retratarão o seu trabalho.

Madalena Feliciano, diretora de projetos da Outliers Careers, comenta que marketing significa promover, divulgar e vender um produto ou serviço e, acima de tudo, construir uma marca “Infelizmente, vejo que muitos bons profissionais se perdem na carreira porque não têm um posicionamento definido. Atiram para todos os lados e não conseguem concentrar sua energia no que realmente lhes interessa”, comenta a especialista. A partir do momento em que você tem um bom posicionamento, você é reconhecido no mercado e tem maiores chances de se tornar uma referência no assunto.

Mas, como definir um posicionamento? As características de uma empresa bem posicionada já estão dentro do próprio gestor, por isso, antes de tudo, você precisa se concentrar nas suas características pessoais, por exemplo, qual a sua missão de vida? Quais são seus desejos? Qual a razão de fazer o que você faz? Quais problemas você gosta – e deseja – resolver?”, explica Madalena.

A especialista ressalta que o profissional tem que respeitar o que lhe dá prazer e buscar fazer aquilo que lhe traz felicidade. “Você tem algum talento ou dom? Respeite-o e use-o a seu favor. Aquilo que se faz respeitando o dom pessoal tem melhores resultados, dá maior satisfação e menos desgaste – afinal, você tem aptidão para isso”, comenta.

Respeite e relembre tudo o que aprendeu com suas experiências profissionais e use as lições aprendidas. “Ter foco, ser pontual, buscar resultados, respeitar o tempo de trabalho, etc. Cada emprego oferece uma série de deveres e obrigações a serem cumpridos, – e eles sempre irão te ensinar algo”, ressalta.

Para ser diferenciado no mercado, repense quais são as suas virtudes, valores e principais características. “São essas qualidades que irão distinguir sua atuação no mercado ou sua marca. Suas virtudes são aqueles pontos chaves que farão você ser reconhecido”, diz Madalena. O sucesso é um equilíbrio entre suas principais características e aquilo que falta no mercado e, a partir do momento em que você harmoniza o que tem dentro de si com o que falta no mercado, você tem mais chances de obter sucesso, sentir-se realizado com sua profissão e terá o reconhecimento do público – que também saberá qual é o seu posicionamento.

-

Fonte: Verônica Pacheco

Publicado em Mercado | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Faça o download do Boletim “Sistema Integrado de Gestão”

 

Fonte: Sebrae

Com o objetivo de esclarecer dúvidas dos pequenos empresários e apontar os pontos positivos na utilização dos ERPs, o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) disponibilizou no mês de agosto o Boletim Sistema Integrado de Gestão.

Nas sete páginas do material, a entidade exemplificou de maneira simples e objetiva as funcionalidades essenciais de um ERP e destacou a importância da modernização das PMEs para que elas possam otimizar os processos de gestão empresarial. Por fim, a publicação ressalta as vantagens de uso do Sistema MarketUP, o único ERP do Brasil 100% gratuito e sem limites de utilização.

Clique aqui para fazer o download do Boletim Sebrae.

Para começar a usar o ERP MarketUP, acesse: http://marketup.com/

-

Por: Redação MarketUP

Publicado em Documentos e Manuais | Marcado com , , , , , , , | 1 comentário

Aplicativo permite doação da Nota Fiscal Paulista para a AACD

Fonte: Thinkstock

Disponível para as principais plataformas de celular, o app é de fácil manuseio e totalmente gratuito

Com objetivo de ajudar cada vez mais seus pacientes, a AACD, em parceria com a Fábrica de Aplicativos, lançou o aplicativo “Doe AACD”. A ferramenta inovadora permite a qualquer pessoa ajudar diretamente a Instituição, fazendo a doação das Notas Fiscais Paulistas em apenas alguns cliques pelo celular.

Disponível para download nas lojas da Apple, Android e Windows Mobile, a ferramenta é gratuita e de fácil manuseio. Basta clicar em “doar”, preencher os campos solicitados com as informações da Nota Fiscal Paulista e, por fim, clicar em “doe agora”.

A doação só pode ser feita para as compras não registradas com o CPF do consumidor. O cadastro dos cupons fiscais tem um prazo de validade de, no máximo, 50 dias (até o dia 20 do mês seguinte ao mês da emissão do cupom fiscal). A iniciativa faz parte do Programa de Estímulo à Cidadania Fiscal do Estado de São Paulo.

Referência em reabilitação de pessoas com deficiência física, com 64 anos de atuação, a AACD realizou, somente em 2013, mais de um 1,5 milhão de atendimentos com as atividades.

-

Fonte: Cindy Correa

Publicado em Legislação, Tecnologia | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário